Cidade Nova

Taxista é morto a tiros enquanto limpava o carro em Manaus

O taxista Arcimédio Cardoso Sobrinho, 55, conhecido como "Pitanga" morreu na tarde desta sexta-feira (5), no Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul de Manaus.

Thiago Monteiro
online@acritica.com
05/08/2022 às 15:50.
Atualizado em 05/08/2022 às 15:50

O taxista Arcimédio Cardoso Sobrinho, 55, conhecido como "Pitanga" morreu na tarde desta sexta-feira (5), no Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul de Manaus. Ele foi atingido com quatro tiros na manhã de sexta, enquanto estava limpando o carro na rua E, no conjunto Ribeiro Júnior, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus.

De acordo com informações de investigadores da Polícia Civil, dois homens, ainda não identificados, chegaram ao local e fizeram os disparos na vítima. "Ele estava limpando o veículo e preparava-se para ir para mais um dia de trabalho", disse o policial. 

Arcimédio foi socorrido e levado a unidade de saúde, porém, não resistiu aos ferimentos e morreu. O corpo dele foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), no bairro Cidade Nova, Zona Norte.

Policiais civis informaram que nada foi levado da vítima, no entanto, o motivo do crime ainda é investigado. Arcimédio trabalhava como taxista há 18 anos.

O caso é investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por