OPERAÇÃO "COMBUSTÍVEL PROIBIDO"

Suspeito de tráfico de drogas, empresário é preso pela Polícia Federal em Manaus

De acordo com a PF, a justiça expediu dois mandados em desfavor do empresário e também havia duas apreensões de drogas ligadas ao suspeito

Joana Queiroz
online@acritica.com
23/06/2022 às 17:03.
Atualizado em 23/06/2022 às 17:03

(Foto: Divulgação)

A Polícia Federal deflagrou na manhã de quarta-feira (22), a operação “Combustível Proibido” e prendeu o empresário Alex da Silva Viana em  cumprimento a mandado de prisão preventiva pelo crime de tráfico de drogas.

De acordo com informações da Polícia Federal, a justiça expediu dois mandados em  desfavor do empresário, sendo um de busca e apreensão e outro de prisão preventiva. Estes foram cumpridos na casa do empresário, na rua Televive, conjunto Campos Eliseos e na empresa do suspeito, Rua Oitis, no bairro Distrito Industrial.

Nos dois locais a polícia apreendeu quatro armas de fogo, sendo duas espingarda e duas pistolas calibre 360, munições, uma máquina de contar dinheiro  e outros itens de interesse da investigação.

De acordo com as informações, há duas apreensões de drogas ligadas ao suspeito, uma no Mato Grosso do Sul, onde um homem foi preso em flagrante em um carro com 40 quilos de entorpecentes. A outra foi no Amazonas, onde 195 quilos de droga foram  apreendidos no rio Japurá, dentro de uma balsa de transporte de combustível.

A operação leva o nome de "Combustível Proibido" por ter sido utilizado uma balsa de combustível para esconder a droga que descia o rio Japurá em direção a capital amazonense.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por