Com fogo

PF e Ibama destroem 23 balsas de garimpo ilegal no município de Autazes

Polícia Federal afirma que "ações continuarão a ser realizadas, assim como serão estendidas em 2022 a outras regiões de garimpo ilegal detectadas no Estado do Amazonas."

Natasha Pinto
online@acritica.com
04/08/2022 às 16:56.
Atualizado em 04/08/2022 às 16:56

(Foto: Reprodução)

A Polícia Federal e o IBAMA realizam nesta quinta-feira (04/08), operação conjunta que tem por objetivo a identificação, abordagem e inutilização de balsas/dragas que operam a atividade de garimpo ilegal de ouro na calha do Rio Madeira, próximo ao município de Autazes/AM.

A operação teve como resultado a destruição total de 23 balsas/dragas utilizadas à prática de garimpo ilegal, e contou com a participação de Policiais Federais do Grupo de Pronta Intervenção e fiscais do IBAMA.

A Polícia Federal esclarece que atualmente toda a atividade de lavra de ouro no Rio Madeira é ilegal e que, portanto, as ações objetivando a desintrusão dessa importante hidrovia federal continuarão a ser realizadas, assim como serão estendidas em 2022 a outras regiões de garimpo ilegal detectadas no Estado do Amazonas.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por