5G em Manaus

Internet 5G chega a Manaus no dia 30 de setembro

Manaus será uma das últimas capitais a receber a tecnologia e aguarda a chegada da nova conexão pela InfoVia (rede em fibra óptica que será lançada do Pará)

Giovanna Marinho
22/09/2022 às 12:57.
Atualizado em 22/09/2022 às 12:57

(Foto: Agência Brasil)

A quinta geração da internet chega a Manaus na próxima sexta-feira (30). A confirmação foi dada pelo Ministro da Educação, Fábio Godoy, na manhã desta quinta-feira (22), durante a abertura do Seminário 5G.BR, evento promovido pelo Ministério das Comunicações, no Centro de Convenções Vasco Vasquez, Zona Centro-Sul de Manaus. 

A expectativa era que a implantação do 5G na capital amazonense fosse adiantada e anunciada pelo próprio presidente Jair Bolsonaro (PL), que participa do evento, o que não ocorreu. Manaus será uma das últimas capitais a receber a tecnologia e aguarda a chegada da nova conexão pela InfoVia (rede em fibra óptica que será lançada do Pará). 

Durante o seminário que debateu as inovações do 5G na Educação e na Indústria, a equipe do governo federal destacou que 5 mil escolas no Amazonas ainda não tem sequer acesso à luz elétrica. Fabio Godoy, no entanto, afirmou que 36 mil escolas receberam conexão com a internet desde o início do governo Bolsonaro e mais de R$ 560 milhões foram investidos em conexão das escolas e na capacitação digital dos professores. 

"Se tem uma coisa que aprendemos durante a pandemia foi a importância do uso da tecnologia na educação. Vimos um período muito longo de escolas fechadas e isso não foi só no Brasil. Os sistemas educacionais do mundo não estavam preparados para o fechamento das escolas", destacou o ministro. 

"A tecnologia 5G será um grande avanço para que possamos chegar em localidades mais difíceis com conectividade de qualidade", acrescentou. 

Já o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, começou seu discurso exaltando "o time dos sonhos" de ministros do presidente da República. Conforme o ministro, o governo federal tem realizado uma "reforma silenciosa" na administração pública e citou como exemplo a retirada da prova de vida que agora usa dados públicos, eliminando à ida presencial a previdência. 

Outro ponto destacado foram as articulações para o mercado de ativos ambientais que, segundo ele, "a Amazônia será a primeira beneficiada", e a chegada do 5G que irá permitir a integração do povo que habita Amazônia, não por rodovias ou ferrovias, mas pela internet que permitirá aos habitantes de locais mais longínquos, por exemplo, trabalhar do local em que vivem.

"Amazônia tem um deserto digital e vai ser resolvido através do moderno leilão do 5g vai acabar com esse deserto", disse Joaquim Leite.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica - Empresa de Jornais Calderaro LTDA.© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por