VESTIBULAR ANUNCIADO

Nova reitoria da UEA completa 100 dias de atividades com anúncio de novo vestibular

O novo edital, que deve ser publicado na próxima semana, foi anunciado pelo reitor André Zogahib durante coletiva realizada nesta quinta (28)

Lucas Vasconcelos
online@acritica.com
28/07/2022 às 12:56.
Atualizado em 28/07/2022 às 12:56

André Zogahib, reitor da UEA, com a vice-reitora Kátia do Nascimento Couceiro (Fotos: Daniel Brito/Ascom UEA)

O novo Vestibular da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) deverá ser publicado na próxima semana, como afirmou o reitor da instituição, André Zogahib, durante coletiva de imprensa sobre os 100 primeiros dias da nova gestão da instituição.

O balanço foi apresentado no Conselho Universitário (Consuniv) realizado nesta quinta-feira (28), na sede da reitoria da UEA, localizada na avenida Djalma Batista, bairro Parque 10, Zona Centro-Sul de Manaus.

“Não vou conseguir dizer a data exata da publicação pois todos devem ter acesso a essa informação no mesmo período. Mas, na semana que vem, nós vamos lançar o edital do novo vestibular da Universidade do Estado do Amazonas”, anunciou André Zogahib.

(Foto: Daniel Brito/Ascom UEA)

Oferta de cursos

Questionado pela reportagem de A CRÍTICA se neste vestibular serão ofertados novos cursos de graduação, o reitor informou que neste momento está sendo priorizado o aperfeiçoamento da infraestrutura dos cursos já existentes. Entretanto, a reitoria pretende ofertar novos cursos, principalmente aqueles que ainda não são ofertados por instituições públicas de ensino superior na capital.

“[Pretendemos ofertar] os cursos de Comunicação Social, Arquitetura, Psicologia, por exemplo. Pois são cursos que ainda não temos. Mas, isso tudo é pensado de maneira muito estruturada com dados de impacto. Não é só ter o curso. Até que ponto aquele curso vai ser relevante para a sociedade, visto ele está sendo oferecido por outras universidades públicas. Tudo isso a UEA precisa pensar pois são investimentos na contratação de professores, servidores, na infraestrutura que precisamos disponibilizar e, de repente, podemos estar investindo em uma outra área que não tenham na Ufam ou Ifam, por exemplo”, ressaltou.

(Foto: Daniel Brito/Ascom UEA)

Apuração de fraudes

Em relação aos recentes casos de fraudes no ingresso as universidades públicas por candidatos que não correspondem aos critérios das vagas ofertadas para pardos, negros e indígenas, o reitor afirmou que a UEA dispõe de um comitê que irá apurar qualquer ocorrência e tomará as devidas providências.

“Essas questões são criminais e devem ser tratadas como tal. A partir do momento que a universidade toma conhecimento, ela não pode deixar essas coisas simplesmente acontecerem sem fazer nada. A universidade se dispõe a receber qualquer denúncia ou qualquer situação nesse sentido, e realizará todos os procedimentos administrativos e encaminhar às autoridades competentes para que isso seja investigado”, declarou.

Ticket-alimentação

Outro anúncio do reitor durante a coletiva foi sobre as tratativas que a instituição está tomando juntamente à Secretaria de Estado de Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM). Segundo Zogahib, todos os servidores da UEA recebem atualmente ticket-alimentação sob o valor de R$ 500. O que está sendo tratado é a ampliação desse valor para R$ 800. A implementação do novo valor está prevista para acontecer ainda esse mês.

“Gostaria de destacar que estamos avançando nas tratativas com a Sefaz para que ainda este mês nós consigamos ampliar o ticket-alimentação para todos os servidores da instituição. Estamos no processo de negociação bem avançado”, ressaltou.

André Zogahib destacou que esta tem sido uma demanda recebida pelos servidores e que está tratando desde o dia em que assumiu a gestão.

“É algo digno. Todos os custos de alimentação subiram. Precisamos dar esse poder aquisitivo para melhorar a qualidade de vida dos nossos servidores”, acrescentou.

Ações desenvolvidas em 100 dias

Escola Superior de Ciências Saúde, da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) (Foto: Joelma Sanmelo/UEA)

Antes da posse, a universidade e o Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) renovaram, em 13 de abril, acordo de cooperação técnica para reforçar as auditorias ambientais realizadas pela Corte de Contas amazonense por mais dois anos.

Dentre os feitos nesses 100 dias de trabalho da atual gestão, iniciada em 19 de abril, destaca-se o pagamento de 105 professores efetivos, totalizando o valor de R$ 807.338,31. Eles trabalharam em 2020, durante a pandemia, ministrando 23 cursos especiais pelo interior do Amazonas. Foi a garantia da valorização dos servidores e cumprimento de compromisso firmado em plena campanha.

Iniciou-se o fortalecimento de parcerias internacionais, visando a continuidade do crescimento da UEA, ao mesmo tempo que se oportuniza melhor ensino e mais chances de pesquisa e benefícios aos universitários. O reitor André Zogahib e diretor da Agência de Inovação (Agin), Prof. Dr. Antônio Mesquita, estiveram com o reitor da Universidade de Miami, John Quelch. Também conversaram com o professor Henry Canfield, da Universidade Internacional da Flórida (FIU).

Em maio, UEA e Prefeitura de Manaus assinaram convênio para oferta de curso de pós-graduação a servidores municipais. Ainda em maio, a universidade também firmou acordo de cooperação técnica com a BIC Amazônia para a realização de ensaios laboratoriais de segurança de isqueiros.

Mais diálogo

Lideranças e estudantes indígenas participaram, em 27 de maio, de uma roda de conversa com o reitor André Zogahib. Em pauta, a necessidade da criação de políticas públicas afirmativas voltadas aos povos indígenas na instituição. Além de integrantes do
Movimento dos Estudantes Indígenas do Amazonas (Meiam), também estiveram presentes representantes do Diretório Acadêmico da Escola Superior de Artes e Turismo (Daesat/UEA) e do Movimento LGBTQIAPN+.

Melhorias no RU

O Restaurante Universitário da UEA passou a receber pagamento em PIX desde o dia 1° de junho. A medida atende solicitação da comunidade acadêmica da universidade e tem facilitado os pagamentos, estimulando o fluxo de compra, reduzindo filas nos caixas e otimizando o serviço. Além disso, o RU da Escola Superior de Artes e Turismo (Esat) também passou a disponibilizar café e almoço aos sábados à comunidade acadêmica.

Nova identidade visual

A UEA apresentou nova identidade visual aos docentes, discentes e técnico-administrativos. A comunidade acadêmica pode esperar representatividade, tecnologia, responsabilidade, união, respeito, coletividade, participação, como posicionamento de marca.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por